13 jul 2015

Viagens pelo Brasil na baixa temporada!

Quem acompanha o blog desde o início sabe que eu amo viajar e que já viajei pra diversos países. Devo conhecer uns 24 países e não sei nem quantas cidades nesse mundão de meu Deus! Eu amo demais!

Mas dentro do Brasil mesmo, conheço poucos lugares. Acredito que a maioria das pessoas seja assim, né? Prefere viajar para lugares mais distantes primeiro. Não que outros países sejam mais interessantes do que o Brasil, não mesmo. Nosso país está cheio de coisa linda pra ver!

O blog fez uma parceria com o Expedia Brasil para destacar lugares onde você pode programar sua próxima viagem durante a baixa temporada. Separei para vocês 3 dicas de lugares incríveis no Brasil para aproveitarem nesse período. Ou seja, os hotéis vão ter preços melhores, os vôos também serão mais baratos e por aí vai. A economia vai ser boa, sem dúvidas! Além de que durante a baixa temporada, as atrações turísticas ficam bem mais tranquilas, nada de filas ou milhares de pessoas querendo tirar foto.

Vamos lá: Lençóis Maranhenses, Pantanal e Litoral Nordestino (já fui pra Fortaleza e Jeri, mas quero muito conhecer Natal, Porto de Galinhas, Trancoso etc).

Lençóis Maranhenses – Temporada baixa: maio a setembro

Lençóis-Maranhenses-National-Park-Lagoons-Wallpaper-Wallpaper

Após a estação de chuvas, as lagoas dos Lençóis Maranhenses ficam cheias e exuberantes. Pra quem gosta de natureza e um pouco de aventura, esse lugar parece ser perfeito.

A dica é se organizar para ir pelo menos uns 60 dias antes, assim é possível conseguir descontos melhores! Afinal, quem não curte um desconto, não é verdade? 🙂

Pantanal – Temporada baixa: abril a setembro

Victoria Regia Water Lily and Lily Pads

Os períodos de chuva e seca mudam completamente a paisagem do Pantanal. Se a idéia é poder conhecer a fauna e flora local, ver pássaros, ter uma temperatura mais amena e noites mais estreladas, o melhor período é de abril a setembro, baixa temporada. As águas começam a baixar, o que aumenta a visibilidade dos animais e da vegetação.

Quero muito conhecer o Pantanal um dia, deve ser demais!

Litoral Nordestino – Temporada baixa: agosto a novembro

praia-do-espelho-bahia

Como falei, conheço Fortaleza e Jericoacoara (tem posts aqui de quando fui), mas ainda faltam muitos lugares no litoral nordestino pra eu conhecer. O que mais gosto de lá é a temperatura da água do mar, bem morninha, super agradável. Diferente aqui do Chile, onde é impossível dar um mergulho, rs!

O clima é quente o ano todo no Nordeste. O que é ótimo pra quem quiser ir na baixa temporada. Ecomiza de 30% a 50% e aproveita do mesmo jeito ou até mais!

Beijos!

26 maio 2015

Os benefícios do óleo de coco!

Oi Gente, tudo bem?

Hoje vamos falar um pouquinho sobre saúde por aqui. Graças à algumas meninas fitness e/ou veganas que estou seguindo no Snapchat (me sigam lá –> beta_pinheiro), o meu novo produto saudável queridinho do momento é o óleo de coco!

Pra quem ainda não sabe, o óleo de coco é MA-RA-VI-LHO-SO pra dentro e pra fora do corpo! Ou seja, ele tanto pode ser ingerido quanto aplicado na pele e cabelos.

Apesar de ter um alto teor de gordura saturada, o óleo de coco virgem, não contém a mesma gordura saturada que existem em outros tipos de óleos. Ele possui ácidos gordos de cadeia média que são muito mais fáceis para o corpo do que os ácidos gordos de cadeia longa, encontrada em muitos outros óleos de cozinha. Ele também contém vários compostos que são bons para sua saúde, incluindo o ácido caprílico, ácido cáprico e ácido láurico.

É super importante que o óleo seja virgem (ou unrefined, pra quem comprar fora do Brasil, tipo eu), para que não perca suas propriedades e benefícios.

DSC_2959

Vamos aos seus 10 incríveis benefícios:

Suporte ao Sistema Imune: Consumir óleo de coco pode ajudar a combater doenças, graças ao seu antiviral, antifúngica e propriedades antibacterianas. Se você está lutando contra qualquer tipo de vírus ou infecção, tente tomar o óleo de coco virgem.

Saúde Cardiovascular: Embora o óleo de coco seja uma gordura saturada, vários estudos descobriram que a ingestão de óleo de coco virgem não tem efeitos adversos sobre o coração. Pelo contrário, parece reduzir o risco de níveis elevados de colesterol e de ataque cardíaco.

Pesquisadores descobriram que os polinésios nas Ilhas de cozinheiros, cuja dieta é extremamente rica em óleo de coco, tem baixos níveis de colesterol e uma baixa incidência de ataque cardíaco em comparação com as pessoas no resto da Nova Zelândia, que não consomem óleo de coco.

Suporte da tireoide (essa é pra mim!!!): Muitas pessoas acreditam que o consumo de óleo de coco extra virgem pode ajudar com os sintomas de hipotireoidismo. Enquanto evidência científica está em conflito neste sentido, muitas pessoas com hipotireoidismo melhoraram com sucesso, e muitas reverteram a hipotireoidismo por conta de ter parado de tomar a medicação da tireóide. Lembre-se que ele pode não funcionar para todos e é importante consultar com seu médico antes de parar qualquer medicação.

Perda de peso (Opaaa!): Um estudo descobriu que as mulheres que tomaram o óleo de coco virgem a cada dia tiveram uma redução significativa na gordura abdominal. Mesmo que o óleo de coco é um tipo de gordura, pode realmente ajudar você a perder peso. Porque ele contém ácidos graxos de cadeia média, em vez de ácidos graxos de cadeia longa, como alguns outros óleos comumente usados, o corpo utiliza o óleo de coco para a energia e não armazena gordura. Desta forma, ele ajuda a acelerar o metabolismo.

Contra infeções na pele: Quando aplicado nas feridas e chagas, óleo de coco virgem pode evitar novas infecções por estafilococos. Um estudo descobriu que o óleo de coco virgem foi benéfico no tratamento de dermatites atópica.

DSC_2960

Cicatrização de feridas: Um estudo em ratos descobriu que as feridas tratadas com óleo de coco virgem, curavam mais rapidamente e apresentavam maior reticulação de colágeno do que no grupo de controle.

Prevenção de estrias: Na Ásia, o óleo de coco é comumente usado para prevenir as estrias durante a gravidez. Já tem estrias? As mulheres também descobriram que a aplicação de óleo de coco podem reduzi significativamente a quantidade de estrias depois de terem se formado.

Benefícios para pele: hidratação da pele é fundamental para mantê-la jovem e saudável, e o óleo de coco pode ser usado no lugar de loção hidratante para uma pele saudável. Quando o óleo de coco é usado, ele também ajuda a combater as bactérias e outros problemas de pele, incluindo erupções cutâneas, dermatite, acne, rugas, eczema e psoríase. Se você tiver uma área da pele que está irritado, esfregue o óleo de coco na pele para aliviar a inflamação e reduzir os sintomas.

Cabelo Saudável: óleo de coco também pode ser utilizado para melhorar a saúde de seu couro cabeludo e cabelo. Ele reduz a perda de proteína durante a lavagem. Tente aplicar um pouco do óleo em seu cabelo para escovar os emaranhados ou massageie um pouco no couro cabeludo.

Sistema digestivo: O óleo de coco foi benéfico para muitas pessoas com problemas digestivos, como a síndrome do intestino irritável, prisão de ventre e indigestão. O óleo de coco combate bactérias prejudiciais no sistema digestivo e também auxilia a absorção de nutrientes no corpo.

DSC_2961

Tá bom ou querem mais? =)

O óleo de coco pode apresentar consistência líquida ou pastosa de acordo com a temperatura. O meu é pastoso, como vocês podem ver na foto acima.

O que determina se um óleo será liquido ou pastoso é o seu grau de saturação, ou seja, alto teor de ácidos graxos saturados (assim como o óleo de coco) será solido em temperatura ambiente. Entretanto, de acordo com a variação da temperatura, sua consistência pode mudar, tornando-se líquido. Sendo assim, as mudanças no estado físico do óleo NÃO alteram sua qualidade e seus benefícios.

Uma dica é ficar atento à quantidade a ser utilizada de acordo com a consistência do óleo, já que a quantidade de óleo de coco na forma pastosa presente em uma colher de sopa, por exemplo, é maior do que em sua forma líquida. E você não vai querer jogar nem um pouquinho do seu óleo fora, principalmente depois que souber qual é o precinho médio desse produto tão rico… R$50,00 por 400/500ml. Tá fácil não, mas vale a pena!

Beijos!

24 abr 2015

Reflexão: coisas ou experiências?

Sexta-feira chegou e junto com ela achei interessante fazer um post de reflexão pra vocês! =)

Estava lendo um artigo em que a ciência explica porque se deve gastar o dinheiro em experiências e não em coisas. Claro que esse é um blog que mostra muitas coisas materiais, como bolsas, roupas, sapatos, maquiagem etc. Mas também mostra minhas viagens, restaurantes que fui e gostei, algum esporte que fiz e outras experiências vividas por mim.

O dinheiro pode comprar sim felicidade, mas até certo ponto!

O professor de psicologia na Universidade de Cornell, Dr. Thomas Gilovich, tem estudado a questão do dinheiro e da felicidade por mais de 20 anos. Ele diz que um dos inimigos da felicidade é a adaptação. “Compramos coisas para ficarmos felizes, e isso funciona, mas só por um tempo. As coisas novas são excitantes no início, mas então nos adaptamos a elas”. O que era novo e excitante se torna apenas “normal”.

Em vez de comprar o último lançamento do Louboutin (esse exemplo foi modificado por mim, porque né? falamos de moda por aqui, rsrs) Gilovich sugere que obteremos mais felicidade gastando dinheiro em experiências como visitar exposições de arte, fazer atividades na natureza, aprender algo novo ou viajar.

Ele diz que consumimos experiências diretamente com outras pessoas, e depois que elas passam, se tornam parte das histórias que contamos uns aos outros. Mesmo se alguém não está junto conosco quando vivemos uma experiência qualquer, é muito mais fácil fazer conexão com uma pessoa que esteve no mesmo show que a gente do que com uma pessoa que comprou o mesmo sapato.

Somos bem menos dados a comparar negativamente as próprias experiências com a de outras pessoas do que comparar as compras materiais.

beta-pinheiro-atacama-geyser-2014

Eu e Fabio no Geyser, Atacama. Dez, 2014

A pesquisa de Gilovich tem implicações para pessoas que desejam maximizar o retorno de seus investimentos financeiros em termos de felicidade, para empregadores que desejam uma equipe mais feliz, e para políticos que desejam cidadãos mais felizes (aham que os políticos se importam, né?).

Eu não vou deixar de amar ter bolsas incríveis e nem vou passar a me vestir de qualquer maneira. Irei sim continuar com meus pequenos prazeres fúteis, mas vou querer mais daqueles momentos, que por menores que sejam, fazem um bem enorme ao nosso coração e mente.

Deixo pra vocês, então, uma pergunta para refletirem no final de semana: o que te deixa mais feliz por mais tempo, uma bolsa cara ou uma viagem inesquecível?

Beijos e até semana que vem!

Categoria: Outros TAGS: , ,
07 abr 2015

Rio: Vista, Gula Gula, Praia e Colombo

Oi Gente, tudo bem?

No post de hoje vou mostrar um pouco do que fiz lá no Rio semana passada. Não tirei fotos de tudo que fiz, porque fiz muitas coisas e também não lembrei, rs! Fiquei sem celular, então fiquei um pouco longe do Instagram (@beta.pinheiro) e Snapchat (beta_pinheiro) também. Foi uma correria! Pena que passou tão rápido!

Um dos lugares que fui foi Niterói, levei meu noivo e sogro lá para conhecer, já que eles nunca tinham ido. O tempo estava ruim, infelizmente, mas mesmo assim a vista para o Rio estava linda. Vejam abaixo fotinhos:

vista rio vista

Uma das coisas que mais amo fazer no Brasil ultimamente é comer! Sério, haha!

Aqui no Chile eu não gosto muito da comida, sinto muita falta da comida brasileira, estou sempre em busca de um strogonoff ou algo do tipo. E aí que esses dias no Rio aproveitei para ir em várias churrascarias, vários restaurantes japonês, que eu amo, e, claro, não poderia deixar de ir no meu restaurante preferido carioca: Gula Gula.

Por mais que eu sempre peça fettucine com paillard no Gula Gula, pra mim esse é o restaurante mais carioca que tem. Amo os pastéis de lá! São realmente maravilhosos! Fica a dica pra quem nunca foi. Peçam pastéis mistos de entrada, um melhor que o outro.

foto 2 foto 3

O tempo abriu de vez nos últimos dias que estive lá, graças a Deus! Sou dessas cariocas que necessita ver o mar, nem que seja só ver mesmo. Agora imaginem como fico aqui em Santiago, né? Haha Loucaaa pra ver uma praia e pegar um sol!

Como eu tinha mil coisas pra fazer, não passei dias inteiros na praia, mas umas boas horinhas sim! Delícia!!!

foto 1

IMG_5164

No último dia, meus pais convidaram eu, Fábio e o pai dele com sua mulher (que também estavam de férias na cidade) para tomar um super café-da-manhã na Confeitaria Colombo do centro.

Pra quem não conhece, a Confeitaria Colombo é super tradicional no Rio, um ponto turístico mesmo. O lugar é lindo, vale a pena conhecer! O café-da-manhã também estava super gostoso, várias opções em uma mega buffet. Adoramos!

IMG_5167 IMG_5168

Espero que tenham gostado de ver um pouquinho da minha semana no Rio!

Ainda tenho duas dicas incríveis de lojas off por lá. Vou postar aqui na quinta-feira. Fiquem de olho!

Beijos!

10 mar 2015

Vídeo: Quem é a celebridade?

Oi Pessoal, tudo bem?

Eu e o Fabio gravamos um vídeo pra vocês esse final de semana. Como ele costuma não conhecer nenhuma celebridade, achei que seria engraçado e que eu ganharia de lavada na brincadeira “Quem é a celebridade?“. Será que eu estava certa?

Apertem o play e divirtam-se!!!

Gostaram?!?

Ainda virão muitos vídeos e vlogs! Corram lá no meu canal e inscrevam-se para receber tudo em primeira mão (antes de vir pro blog)!

Beijos beijos