Diário de Viagem: Ilha Cayo Bolívar

DCIM100GOPRO

Morrendo revendo essas fotos, gente! Essa Ilha Cayo Bolívar é linda demais, delícia demais, perfeita demais!!! Queria estar lá agora!

Vou contar pra vocês como foi toda a situação até chegar nesse paraíso. Primeiro queríamos ir para a ilha Providência, que fica a 20 minutos de avião de San Andrés. Mas como essa época de Reveillon lá é altíssima temporada, estavam todos os dias cheios, sem vagas no avião. Teria a possibilidade também de ir de barco, seriam umas 3 horas e meia, dependendo de como o mar estaria. Eu achei melhor não irmos de barco, porque iria demorar muito pra quem iria ficar só 2 noites lá. Queria aproveitar mais os dias na praia! Ficamos chateados… queríamos ter ido em Providência de avião, com calma, sem pressa e tudo mais. Mas não deu! Foi aí que nos sugeriram ir para Cayo Bolívar, essa ilha no meio do nada que fica a 40 minutos de barco de San Andrés. Ok, achamos que valeria a pena, compramos o tour e esperamos ansiosamente pelo dia!

Chegamos ao ponto de encontro do tour às 7h e pouco da manhã, tomamos café, que era incluído no preço do passeio, e aguardamos. Até aí tudo ótimo, eu sabia que iríamos passar 40 minutos em alto mar, mas imaginando que seria em um barco grande fechado! Quando nos chamam para formar uma fila, éramos em 30 pessoas, o guia começou a explicação sobre o que iríamos encontrar nos próximos minutos até Cayo Bolívar. Resumindo, ele simplesmente disse que iríamos em um barco pequeno, aberto, que o mar estava mais agitado do que o normal e que teriam ondas de 2 a 4 metros, o que é “normal” em alto mar! Oi?!? A galera ficou como, né? Hahaha Tensão no local! Fomos divididos em 2 barcos, todos colocaram os salva-vidas e fomos. Rezando, mas fomos!

Gente, eu nem sei explicar o que foram esses 40 minutos, sério! Era água na cara sem parar! Imaginem estar em um barquinho no meio do alto mar com ondas enormes? É algo que nunca pensei que fosse passar na minha vida! Estava com medo de acontecer alguma coisa ali, ainda mais eu que morro de medo de tubarão, baleia e tudo mais. Tinha uma carioca do meu lado muito engraçada, ela ficava falando que é uma pessoa super radical, que faz rapel, isso e aquilo, mas que nunca havia passado algo tão surreal na vida! Eu tive um ataque de riso que não conseguia parar! Sabe quando mistura o nervoso com algo engraçado? Pois é, eu fiquei rindo um bom tempo! E a ilha não chegava, não tinha NADA em lugar nenhum, só água, água e água! Até queeee… conseguimos enxergar uma ilha lá longe! Nem podíamos acreditar! Visão do milagre, haha!!!

Entre as muitas coisas que comentávamos no caminho, era que essa ilha tinha que valer MUITO a pena mesmo! Teria que ser completamente deserta e com um mar incrível! Para a nossa felicidade, a Cayo Bolívar é exatamente assim: deserta e com um mar mais do que incrível! Achamos o paraíso verdadeiro!

Graças a Deus, valeu mega a pena! O lugar é um sonho!!!

DCIM100GOPRO

Chegando na ilha Cayo Bolívar

DSC_0333

DSC_0306
DCIM100GOPRO DCIM100GOPRO DCIM100GOPRO DCIM100GOPRO

DCIM100GOPRO
DSC_0343

cayo-bolívar
DSC_0320 DSC_0310

Que mar é esse?!? Maravilhosooo! E não tinha ninguém lá além da gente. Ou seja, 30 pessoas nessa ilha paradisíaca. Só nós e os animais que moram por lá!

Às 14:30h foi hora de voltar, quando a Força Armada veio buscar a gente! Sério, rs! O mar estava tão brabo, que a Armada achou melhor ir acompanhando os 2 barcos até San Andrés. O horário de voltar já seria esse mesmo, mas a Armada só vai até lá caso seja realmente necessário. Já comecei a ficar tensa de novo, mas até que eu tava mais confiante pelo fato de ter a Armada, com mergulhadores e tal, nos acompanhando.

A volta foi exatamente igual a ida. Ondas, mar super mexido, muita água na cara, muita, mas muita aventura pra uma pessoa só, haha!

Cheguei feliz em terra firme! Sinceramente, como sou medrosa, eu não iria novamente, mas valeu muuuito a pena ter passado por toda essa experiência! Lugares como esse são difíceis de encontrar.

Essa ilha é um dos lugares, se não for o lugar, mais paradisíaco que já fui! Amei!!!!!!!!

Beijos!

Créditos do look –> maiô de crochet: Afghan / canga: Rudge / óculos: DKNY / saída de praia de oncinha: H&M / chapéu de palha equatoriana: comprei em Maintencillo / flash tattoos: flashtattoocl@gmail.com