23 fev 2016

Meu Look: Camisa de batons + Pantacourt

DSC_2462

Uma das minhas peças favoritas na atualidade do meu armário é essa calça pantacourt de laise da Amaro. Gente, é muito conforto e muito estilo pra uma peça só! Tô querendo usar todos os dias e em todas as situações da vida, rs!

Dizem que pantacourt só fica legal em pessoas altas. Eu sou alta, meço 1,71m, mas já vi muitas meninas mais baixas (até beeem baixinhas) usando esse tipo de peça e não achei que ficou ruim. Concordo que quanto maior as pernas forem, melhor a pantacourt fica. Mas isso não quer dizer que só as altas é que podem usar. Não mesmo!

Essa é uma tendência tão estilosa que acho que vale a pena tentar! Até quem torce o nariz à primeira vista, depois acaba amando. Eu mesma não estava muito certa de que iria gostar em mim e agora vocês podem reparar o quanto estou apaixonada! Achei que ficou super elegante!

Nesse look combinei a pantacourt com uma camisa fofa de batons, espadrilles listradas e bolsa preta com lencinho estampado (aquele detalhe que faz toda a diferença). Pra ficar mais legal a combinação, passei um batom vermelho!

Quero saber o que vocês acharam, look aprovado? Quem aí também está adorando uma pantacourt?

Beijos beijos

DSC_2429
DSC_2427
DSC_2562
look-beta-pinheiro-pantacourt-3
DSC_2486 DSC_2477

DSC_2552

DSC_2529

look-beta-pinheiro-pantacourt-2
DSC_2453 look-beta-pinheiro-pantacourt-1

Estou usando

camisa: SheIn / calça: Amaro / espadrilles: H&M / bolsa: Burberry / lenço: Moschino

22 fev 2016

Diferença entre UVA, UVB e Luzes Visíveis!

Vocês sabem qual é a diferença entre os raios solares UVA e UVB? E a luz que você tem em casa ou na tela do seu computador, você sabe o quanto faz mal à sua pele? Agora vocês vão entender tudinho!

O que faz mais mal é o UVA, porque penetra profundamente na pele. O UVB atinge superficialmente e é o que causa a queimadura e deixa aquele vermelhidão.

. UVA – Parece menos inofensivo por deixar um bronzeado mais bonito, mas esses são os raios responsáveis pelo envelhecimento da pele e o câncer melanoma, justamente por atingirem a camada mais profunda da pele. Causa também as manchas na pele, aquelas que pra tirar depois é beeeem difícil. – Horários para ter mais cuidado: antes das 10h e depois das 16h.

. UVB – Essa radiação é a que deixa pele vermelha, se intensifica algumas horas após a exposição solar. Só conseguimos ver o efeito depois do banho ou à noite. São responsáveis pelas lesões pré-câncer e câncer de pele não melanoma. – Horários para ter mais cuidado: de 10h às 16h e é mais intensa no verão.

. Luzes visíveis – A luz branca do computador também é prejudicial para nossa saúde e beleza. Isso porque a claridade é capaz de alterar as células de pigmentação e as fibras de colágeno ao atingit as camadas do tecido cutâneo. Com o tempo o rosto tende a envelhecer precocemente e ficar manchado.

Agora que sabemos um pouco mais sobre os raios UVA, UVB e as luzes visíveis, fica mais fácil entender porque as dermatologistas recomendam usar sempre protetor solar dentro e fora de casa, faça chuva ou faça sol.

protetor-solar-dermage-beta-pinheiro-blog

Mostrei aqui em outro post dois protetores que estou usando nesse verão, um pro rosto e outro pro corpo. Mas recebi o Photoage da Dermage e comecei a usar também.

O Photoage Mineral Color Fluido tem proteção 50, tem cor que se adapta a todos os tons de pele e tem uma tecnologia exclusiva antifotoenvelhecimento DG-DNA Repair Complex, que repara os danos causados ao DNA da pele. A textura dele é ultra fina, ótima pra quem tem a pele sensível. Estou gostando muito, uso mais no dia-a-dia do que na praia.

Fica a dica: peles morenas e negras desenvolvem com mais facilidade os incômodos provocados pela claridade do computador.

Espero que tenham gostado do post!

Beijos beijos

18 fev 2016

Cabelos de praia: Sea Spray e Surf Breeze

surf-spray-lush-beauty-box-beta-pinheiro-blog

No verão nada melhor do que ficar com os cabelos mais selvagens, não é verdade? Aquele ar de que acabou de sair do mar! Eu adoro, rs! Na verdade não só no verão, mas essa época é a que “tem mais a ver”, vamos dizer.

Os meus cabelos por si só já são bem revolts, ou seja, não é que preciso de sprays ou qualquer produto pra que eles fiquem selvagens. Pelo contrário, eu tenho é que dar um jeito pra que eles fiquem mais certinhos, rs! Mas eu quis testar os tão desejados sprays que deixam os cabelos com cara de quem acabou de sair do mar, e aí testei esses dois pra contar aqui pra vocês. Acho que muita gente ama esse tipo de produto!

Os que eu testei foram: Sea Spray, da Lush, e Suf Breeze, da The Beauty Box.

Recebi há um tempinho o Wild Stylers Beach Waves da L’Oreal, mas antes de usar já consegui quebrar o borrifador, então acabei não usando ainda. :/

surf-spray-lush-beta-pinheiro-blog

Como disse anteriormente, os meus cabelos já são assim bastante wild, então não sou tão fã desses sprays. Tenho muito cabelo e bem cheio, o que facilita a selvageria dele! Esse tipo de produto eu indico pra quem tem o cabelo com textura mais fina ou pra quem tem menos cabelo.

O Sea Spray tem uma leve textura de gel, bem leve mesmo, que é o que segura o efeito praia, sol e mar. Pode ser usado tanto nos cabelos secos quanto molhados. Eu usei neles secos e achei que a textura é bem boa, o cheiro também é agradável e o efeito foi de praia mesmo! Sabe aquele cabelo cheio mais estruturado quando passa o vento da brisa do mar? Então!

Para aplicar é só borrifar no cabelo todo e ir amassando com as mãos, isso faz com que ele vá modelando. É bom não passar muito, se não fica exagerado e o cheio acaba ficando forte demais.

O spray contém água marinha, sal, alga marinha e glicerina, aroma de neróli e grapefruit.

surf-spray-beauty-box-beta-pinheiro-blog

O Suf Breeze eu senti que é mais grudento do que o Sea Spray. Usaria esse mais pra fazer um penteado, tipo um super baby liss, e segurar. Não sei se ele é tão forte assim pra segurar um penteado, mas que é bem grudentinho é!

O cheiro é de baunilha, mas nada exagerado que você vá enjoar em poucos minutos. É bem gostoso e é tão suave que depois de um tempinho já não senti mais nada, rs!

A proposta e o resultado são bem parecidos com o Sea Spray, as diferenças que notei foram essas mesmo, a textura e o cheiro, de resto igual. Meus cabelos ficaram um pouco mais cheios e bagunçados.

Pra quem quer dar um up nas ondas e cachos acho que os dois são super válidos. Mas pra quem tem os cabelos beeem lisos, não sei se iria adiantar alguma coisa. Sinceramente, acho que não! Pelo menos não simplesmente borrifando e amassando os cabelos. Esses produtos são mais para moldar algo que já existe, não sei se são tão fortes a ponto de ondular fios super lisos.

Beijos beijos